Influencer é liberado após agredir esposa e espancar cachorro. VEJA VÍDEO

O influenciador digital de 33 anos suspeito de manter a ex-esposa em cárcere privado e de maus tratos a animais que foi preso em flagrante após policiais encontrarem ampolas de anabolizantes e documentos falsos na casa dele em Praia Grande, no litoral de São Paulo, foi solto e responderá em liberdade. O suspeito responde, entre outras coisas, por falsidade ideológica.

Segundo informações da delegada Lyvia Cristina Bonella, que acompanha o caso, o influencer foi solto durante audiência de custódia e responderá em liberdade. Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), ele é investigado por sequestro e cárcere privado, falsificação de produto terapêutico ou medicinal e falsificação de documento público, além de falsa identidade.
A delegada à frente do caso também afirmou que a profissão oficial do suspeito é investigada, já que nas redes sociais ele se apresenta como treinador, psicólogo e psicoterapeuta do emagrecimento, mas possuía distintivos policiais. Segundo Lyvia, o influencer não é policial porque não consta registro dele no sistema de cadastro da polícia. A origem dos distintivos também é investigada.

No perfil em uma das redes sociais, que acumula mais de 27 mil seguidores, o influencer compartilha publicações com dicas para treinos de ginástica e fotos exibindo o corpo. O g1 procurou a defesa do suspeito, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Veja o Vídeo:

PostarEscrevaum Comentário
Cancel