Padre se revolta com comemoração do Carnaval no período da Semana Santa: "isso é coisa do diabo"

O pároco de Macaparana, na Zona da Mata de Pernambuco, Christiano de Souza, fez um desabafo no início da missa do último domingo (3), o 5º da Quaresma, sobre a realização de festas de Carnaval durante a Semana Santa no Estado.

Para o religioso, trata-se de um desrespeito ao período marcado pela morte e ressurreição de Jesus. "Carnaval na Semana Santa é coisa do diabo, é coisa do cão, é coisa do Satanás. A gente celebrar um Carnaval durante a Semana Santa? Que mundo é esse que a gente está vivendo?", disse, com indignação, ao lado de missionários.



O padre responsabilizou os governantes pela permissão da realização destes eventos, que em Pernambuco são de natureza privada. "Governador do Estado, pelo amor de Deus, o senhor se diz cristão. Queria tanto que o senhor escutasse essa missa e alguém mandasse isso aí para o senhor", declarou.

O pároco ainda criticou o que chamou de "falta de compromisso" do governador Paulo Câmara (PSB) com a igreja. "No Recife, capital, Sexta-feira da Paixão, shows, músicas, clubes e arenas lotadas na Sexta-feira da Paixão para estar pulando Carnaval. (...) Expresso toda a minha indignação com essa sem-vergonhice que o Governo do Estado está fazendo com a nossa Semana Santa".

Christiano de Souza ainda perguntou se alguém na missa iria celebrar o Carnaval durante a Semana Santa, e disse que torceria por uma "arrecadação lá embaixo" para os eventos dessa natureza.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Finanças