Mulher que protagonizou vídeo com mendigo já recebeu alta no DF

A história da mulher que se envolveu com um, então, morador de rua Givaldo de Souza ganhou novas atualizações nesta terça-feira (19) com a notícia de que a comerciante recebeu alta do hospital onde estava internada há pouco mais de um mês em Brasília (DF).

Laudo Médico

No laudo médico, divulgado seis dias após o acontecido em 9 de março, foi informado que a mulher estava, na verdade, sofrendo de um surto psicótico quando manteve a relação sexual. Na ocasião, Givaldo foi espancado pelo marido da moça depois de ter sido flagrado.

Na época em que saiu o laudo, o marido da vítima reforçou que não se tratava de uma relação extraconjugal consensual, mas sim de uma violência sexual. “Não se trata de uma traição, e, sim, de violência sexual”, disse em nota.

A mulher ficou internada no Hospital Universitário de Brasília (HUB) e deixou o local em 6 de abril.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Finanças