Caça a "Lázaro de Pernambuco" já dura 6 dias em PE e mãe sofre consequências: "Muito mal"

Caça a "Lázaro de Pernambuco" já dura 6 dias em PE e mãe sofre consequências: "Muito mal"

share
whats
Face
Copiar

Moradores de Glória do Goitá (PE), a 62 km do Recife, viram a rotina do lugar pacato mudar depois que teve início uma verdadeira caçada ao suspeito de assassinato de duas mulheres, uma delas estuprada antes de ser morta. Há seis dias, policiais militares e civis, seguidos pela população, tentam capturar Edson Cândido Ribeiro, 35, e, enquanto isso, a família dele sofre represálias por parte de vizinhos revoltados.
A Justiça emitiu um mandado de prisão contra ele, que continua em movimento, escondido em matas, o que o rendeu apelidos como "Lázaro de Pernambuco", "Novo Lázaro" e "Lázaro do Sertão", em alusão ao suspeito de homicídios do Distrito Federal, que mobilizou uma caçada policial por 20 dias em junho de 2021. A agricultora Eliete Ribeiro, mãe de Edson, conta que a família tem passado por dias difíceis.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Finanças