À beira da falência, Eduardo Costa vira réu por estelionato



À beira da falência, Eduardo Costa vira réu por estelionato

share
whats
Face
Copiar

Eduardo Costa virou réu em um processo por estelionato. A Justiça aceitou a denúncia do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) contra o cantor sertanejo. A informação foi dada pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais nesta quinta-feira (03). Segundo a denúncia, o músico obteve “vantagem ilícita” em um imóvel negociado na região de Capitólio.
A negociação com o cunhado de Eduardo Costa foi referente ao imóvel que é avaliado em cerca de 6 milhões de reais, que foi passado em troca da residência no Sul de Minas que custa 9 milhões de reais. Para abater o valor de 3 milhões restantes, o cantor sertanejo repassou alguns bens para o casal comprador do seu antigo imóvel.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Finanças