-->

O valor de seguro para carros os 10 mais vendidos no Brasil

 O valor médio cobrado para segurar os veículos deste top-10, para homens aumentou 6,5% e chegou a R$ 2.621, enquanto para mulheres o custo médio está em R$ 2.022, representando um acréscimo de 8% no comparativo com dezembro do ano passado. 

Confira os 10 carros mais vendidos do Brasil em janeiro de 2021 e as variações dos preços de seguro: 

1- Chevrolet Onix 

Carro mais vendido em 2020, o Chevrolet Onix encabeça a lista de vendas no primeiro mês de 2021 com 10.567 unidades. Entre homens, o preço médio do seguro foi para R$ 2.132, ou seja, 3,2% mais caro que o mês anterior. Para mulheres o aumento foi de 1,7%.

2- HB20 Sense  

O hatch da marca sul-coreana segue como o segundo modelo mais vendido no País e o aumento no valor do seguro foi de 2,5% para homens e menos de 1% para mulheres. O preço médio para elas teve uma variação muito pequena, subindo de R$ 1.428 para R$ 1.439. 

3 - Onix Plus  

O sedã mais vendido no Brasil segue como o terceiro da lista geral e manteve um valor estável de seguro para homens, com média próxima de R$2.500. A elevação significativa aconteceu para mulheres, passando de R$1.791 para R$1.855.  

4- Jeep Renegade 

Oitavo colocado na lista de modelos mais vendidos em 2020, o Renegade subiu no ranking de vendas no início de janeiro de 2021, aparecendo na quarta colocação geral.

Outro item em que o modelo subiu foi no valor do seguro: 10,3% para mulheres e 6,6% para os homens. Esse aumento fica evidente em Brasília (DF), cidade em que o custo para o público feminino passou de R$1.678 para R$2.133 em um intervalo de um mês.  

5- VW Gol 

Modelo da Volkswagen mais comercializado no Brasil, o Gol registrou uma redução de R$42 no valor médio do seguro para mulheres, chegando ao preço de R$ 1.634. Para os homens foi o contrário: houve aumento de 1,2% em relação ao mês passado. 

6-  VW T-Cross 

Modelo mais vendido em agosto de 2020, o T-Cross ocupa a sexta posição no ranking de vendas do início de 2021. Seu valor de seguro segue praticamente estável para o público masculino, com aumento de apenas R$ 6. Para o público feminino a elevação foi de 1%, subindo de R$2.143 para R$ 2.166. 

7- Jeep Compass 

O Compass é o carro da lista que apresenta a maior variação de preço de seguros entre as 11 capitais do estudo. A maior diferença é para o público masculino de Brasília, com média de R$ 3.221, e Rio de Janeiro, cotado em R$ 6.673.

São R$ 3.452 de diferença. O valor médio na análise geral das capitais teve uma queda de 6% para o público masculino, enquanto para as mulheres houve uma ligeira alta de 0,3%.  

8- Fiat Argo 

A variação do preço médio de seguro para o Argo foi bem pequena. O valor subiu em 2% para homens, chegando a pouco mais de R$ 2.000, e caiu aproximadamente 1% para as mulheres, ficando próximo de R$ 1.500. 

9- Fiat Mobi 

Se você quer ter um carro em São Paulo que pague um valor baixo de seguro entre modelos novos, a dica é o Mobi. A capital paulista registrou o menor preço entre todos os modelos cotados para homens e o valor do carro da Fiat foi de R$1.343. O preço médio de seguro deste subcompacto na cidade é de R$2.449.  

O Mobi ainda foi o único modelo deste top-10 que teve retração no valor do seguro para o público masculino e feminino. A queda foi de 5% para homens e mulheres. 

10- Chevrolet Tracker 

O modelo da GM registrou estabilidade de preço do seguro para homens e uma queda de 1,3% para mulheres. O valor segue alto, se considerarmos a média de outros carros, ficando atrás apenas do Compass.

Em São Paulo, por exemplo, o Tracker é cotado em R$ 3.392 para homens. No Rio de Janeiro, o valor para eles sobe para R$ 4.226, bem acima da média de R$ 2.947 para mulheres na cidade. 

Para realizar o estudo, a Minuto Seguros considerou como perfil um condutor homem e uma condutora mulher, de 35 anos, ambos casados. 

Foram avaliados os preços dos seguros em onze capitais: São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Recife (PE), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Vitória (ES) e Salvador (BA). 

teste