Concurso Banco do Brasil 2020 está confirmado! Novo edital terá vagas de nível médio; Salário de R$ 4 mil


O concurso Banco do Brasil 2020 está confirmado! O anúncio foi feito pela assessoria de imprensa da instituição. Os preparos estão avançados, com a banca organizadora já selecionada e o edital em processo de elaboração. A previsão é de que o documento seja divulgado em março deste ano.

A expectativa é de que sejam lançadas vagas para escriturários na área de tecnologia. Além disso, foi anunciado pela assessoria do BB, que também podem ser recrutados escriturários generalistas, para o desempenho em atividades administrativas e bancárias.

O certame contemplará diferentes estados brasileiros. Para ambas as funções, é necessário que o candidato tenha o nível médio. Aos aprovados, a remuneração chega a mais de R$ 4 mil, incluindo outros benefícios. Saiba mais sobre o concurso Banco do Brasil 2020.
Continua Apos a Publicidade 
Concurso Banco do Brasil 2020: Vagas

Segundo a assessoria de imprensa do Banco do Brasil, espera-se que sejam lançadas vagas para escriturários na área da tecnologia e escriturários generalistas. Para ambas as funções, as atribuições são:

Atendimento ao público;

Contato com clientes;

Atualização e manutenção de dados dos sistemas operacionais;

Redação de correspondências;

Verificar relatórios e documentos;

Controles estatísticos;

Outras atividades equivalentes aos cargos.

Concurso Banco do Brasil 2020: Salários e benefícios

O salário de escriturário consiste em R$ 4.036,56, já incluindo auxílios alimentação e refeição. A carga horária de trabalho corresponde a 30 horas semanais. Além disso, o profissional recebe os seguintes benefícios:

Auxílio-transporte;

Plano de saúde e odontológico;

Previdência privada;

Participação nos lucros;

Auxílio-creche/babá;

Auxílio ao filho com deficiência.

Diferença entre escriturário tradicional e tecnológico

Apesar de ambas as funções exigirem competências e habilidades semelhantes, existem algumas distinções entre o concurso para escriturário tradicional (generalista) e escriturário tecnológico. Essa diferença consiste no programa e peso de suas disciplinas.

No concurso Banco do Brasil 2018, para escriturário tecnológico, foi exigida a disciplina de Probabilidade e Estatística, o que não foi cobrado no edital para escriturário generalista, em 2015. Além disso, matérias de atendimento, cultura organizacional e técnica de vendas também foram retirados. As questões de informática foram mais abrangentes.

O que estudar para o concurso Banco do Brasil 2020

No último concurso Banco do Brasil para escriturário tradicional, em 2015, foram feitas provas objetivas e redações. A primeira, com 70 questões, contou com as seguintes disciplinas:

Português (10);

Raciocínio Lógico-Matemático (10);

Atualidades do Mercado Financeiro (5);

Atendimento (10);

Conhecimentos Bancários (10);

Técnica de Vendas (10);

Cultura Organizacional (5);

Informática (5);

Inglês (5).

O último concurso BB, para escriturário na área da tecnologia, foi realizado em 2018. Na ocasião, foi feita uma prova com 70 questões e redação. Confira abaixo:

Português (5);

Inglês (5);

Matemática (5);

Atualidades do Mercado Financeiro (5);

Probabilidade e Estatística (20);

Informática (20);

Conhecimentos Bancários (5).

É importante destacar que os conteúdos podem variar de acordo com o edital. Por isso, algumas matérias podem ser excluídas ou acrescentadas. De qualquer forma, recomenda-se a atenção às novidades e desde já, ir se preparando para o novo certame. (Edital Concursos Brasil)

maispajeu

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem